Ao celebrar dois anos do início de suas operações mundiais no segmento de Comercio Exterior, Thomson Reuters anuncia lançamento de solução global para atender o setor

ONESOURCE™ Global Trade (Powered by Softway) é a solução da Thomson Reuters para gerenciamento de comércio exterior, desenvolvida para aumentar a eficácia em toda a cadeia de Supply Chain e das operações de Compliance no comercio internacional entre as empresas

May 19, 2015
Luciana Leite

A Thomson Reuters, provedor líder mundial de informações inteligentes para empresas e profissionais, que iniciou sua atuação no segmento de comércio exterior há dois anos ao integrar no Brasil o expertise da equipe que desenvolveu as marcas SOFTWAY, Softleasing e Trade-Easy, anuncia o lançamento oficial do ONESOURCE™ Global Trade, a primeira solução de gerenciamento e automação de comércio exterior verdadeiramente global do mercado.

Segundo Taneli Ruda, presidente mundial da divisão de Global Trade Management da Thomson Reuters, “esta solução permite que as empresas multinacionais reunam as principais informações da cadeia de suprimentos a fim de obter uma visibilidade completa de seu processo de comércio internacional de uma ponta a outra, reduzindo, assim, os riscos, respeitando a conformidade com as regulamentações, permitindo movimentações rápidas e precisas e maximizando os lucros”.

Ele lembra que as empresas multinacionais devem gerenciar e se responsabilizar por uma estrutura Supply Chain cada vez maior e mais complexa, ressaltando alguns dados bastante relevantes:

  • O comércio internacional representa quase metade do PIB global;
  • O valor de todos os produtos e serviços comercializados no Brasil, Argentina,Chile, Colômbia, México, Peru e Espanha cresceu quase 500% (ou USD 1,4 trilhões) entre 1995 e 2013;
  • Em 1994, havia 100 tratados de livre comércio (FTA na sigla em inglês) estabelecidos. Em 2014, esse número chegou a 371.

A necessidade de Compliance nas operações internacionais inclui avaliar ou classificar os produtos que cruzam as fronteiras, reportar para o país de origem por todas as partes, e respeitar as proibições nacionais relacionadas ao comércio, como partes restritas ou controles de exportação.

Os processos que desaceleram as operações comerciais podem resultar em perda de tempo, interrupções de trabalho e redução das margens de lucro. Além disso, se um produto for classificado erroneamente ou se uma declaração for transmitida de maneira inadequada, os resultados podem ser aumento de taxas e tarifas, ou revogação das licenças de exportação. Como agravante, muitas empresas acabam dependendo de programas de informações internos para gerenciar a crescente complexidade do comércio internacional.

 

Sobre a solução ONESOURCE™ Global Trade

A solução ONESOURCE™ Global Trade da Thomson Reuters combina as ferramentas de fluxo de trabalho com informações e análise em tempo real. Com as ferramentas de gerenciamento do fluxo de trabalho, o sistema facilita a troca de informações entre a equipe comercial da empresa e seus departamentos de logística, compliance, financeiro e de planejamento estratégico. Ele também conecta as equipes comerciais com os parceiros externos responsáveis pelo gerenciamento de uma complexa cadeia de suprimentos internacional, incluindo brokers, agentes de carga, alfândega, transportadoras, reguladores e bancos. A plataforma oferece seis módulos e edições para vários países. Os módulos incluem ferramentas do fluxo de trabalho do Importador e do Exportador, bem como módulos de informações e análise para Acordo de Livre Comércio, Regimes Aduaneiros Especiais, Verificação de Restrição (Restricted Party Screening – RPS) e Financiamento de Operações Comerciais. O sistema foi desenvolvido para se integrar com os ERPs (Enterprise Resource Planning) ou com o Sistema de Gestão de Armazéns (Warehouse Inventory Management, WIM).

Em 2013, quando decidiu iniciar a operação no segmento de Gestão do Comércio Exterior,  a Thomson Reuters incorporou as marcas Softway, Softleasing e Trade-Easy, e, mais do que isso, as equipes responsaveis por seu desenvolvimento tecnologico e de negócios, que acumulam mais de 15 anos de atuação, experiência e reconhecimento no mercado nacional. “Atualmente, essas marcas compõem um novo branding: a plataforma ONESOURCETM Global Trade (Powered by Softway), que atende aproximadamente 1200 clientes no Brasil e está presente em mais de 300 importantes grupos econômicos, entre eles os maiores importadores e exportadores brasileiros de vários segmentos da economia, com destaque para os setores Aéreo, Agro e Alimentício, Automotivo, Oil & Gas, Eletrônico e TI, Saúde, Química e Recintos Alfandegados”, comenta Menotti Franceschini, Diretor Executivo da divisão de Gestão do Comércio Exterior da Thomson Reuters no Brasil.

ONESOURCETM Global Trade também está 100% localizada/adaptada para atender as necessidades do mercado de gestão do comércio exterior na Argentina, no México e, a partir desse mês, também na China, reunindo informações e análises técnicas, em idioma local, sobre leis, regulamentações alfandegárias, tarifas e impostos, e requisitos de licenciamento específicos de cada país.

 

Back to Press Releases

In The News

Friday, March 4 Would you take tax advice from a robot?

Though you might not immediately think of it like this, consider tax software widely used in the market today. That software is technically a machine…

Thursday, March 3 Why Some Charities May Want to Re-Think Taking Government Grants

It seems everyone starts to feel a little more charitable around tax season. But as individuals trek into their accountant’s offices, donation receipts in hand,…

Friday, February 26 5 Reasons Why Cloud Technology Builds Stronger Client Relationships

If you’ve worked in the tax and accounting profession long enough, you know that strong client relationships are the foundation of a successful practice. As…